Constituiu um dos objectivos da Nova Área de Hengqin, tornar-se numa “ilha ecológica” propícia para viver e trabalhar. Durante o seu processo de desenvolvimento, a referida área envida os melhores esforços no sentido de se tornar numa “ilha ecológica, prosseguindo um desenvolvimento científico de longo prazo, ao mesmo tempo que assegura a coordenação entre o desenvolvimento e a protecção do meio ambiente.

I – Conclusão da elaboração do Plano de Restauração da Ecologia Marinha
Através de concurso público internacional, foi decidido escolher a AMA Architectural Design Office, da França, para entidade de concepção, com vista à elaboração e conclusão do Plano de Restauração da Ecologia Marinha de Hengqin. As zonas de restauração de Hengqin incluem duas zonas húmidas, sitas em Man Zhou e na Baia Erjing, com a área total de 392 hectares, sendo a Man Zhou de 60 hectares, e a de Erjing, 332 hectares. O plano será implementado em fases. Serão envidados os maiores esforços no sentido de construir zonas húmidas e lares ecológicos para aves, de classe mundial.

II – Lançamento oficial das obras de restauração da ecologia marinha de Hengqin
As obras de restauração da ecologia marinha de Hengqin tiveram início em Novembro de 2011. Estima-se que venha a obrigar a um investimento da ordem dos 600 milhões de RMB, tendo presentemente já investido 40 milhões de RMB, com a conclusão das obras da Sala de Exposição da Restauração da Ecologia Marinha de Hengqin, cuja área é de 20 mil metros quadrados, das obras de limpeza e remediação da zona de plantação de bananas, com a área de 300 mil metros quadrados, a plantação de 120 mil plantas, de 16 variedades, propícias para mangais, incluindo sonneratia, kandelia, aegiceras, ochna kirkii, folha de prata e hibisco amarelo. Além disso, contempla também a construção de 300 metros de prancha, pontes flutuantes e plataforma hidrofílica com a área de 600 metros quadrados.

III – Construção da “Ilha Ecológica”
Transformação da Baía de Erjing numa importante área de protecção ambiental e paraíso das aves; transformação do local de plantação de bananas e lago de peixes em zona de excursão estática húmida; transformação do parque marinho em zona de excursão dinâmica e local dos serviços de administração. Assegurar que não haja desarmonia entre  o desenvolvimento e a protecção do meio ambiente em Hengqin e implementar a todo o vapor a construição da “Ilha Ecológica”, conforme delineado.