Com vista a reforçar e implementar as medidas mencionadas nas Linhas de Acção Governativa do Governo da RAEM, no tocante ao apoio para o desenvolvimento das empresas, nomeadamente, “Entrega de Serviço ao Domicílio”, “Expansão para o Exterior” e “Atracção de Investimentos do Exterior”, o Instituto de Promoção do Comércio e do Investimento de Macau (IPIM) encontra-se a envidar os melhores esforços no sentido de desenvolver canais múltiplos e criar plataformas inovadoras, incluindo workshops sobre os 7 países lusófonos, o serviço “Aproximar-se das PME´s”, e workshops e seminários sobre comércio electrónico, entre outras iniciativas, como forma de ajudar as micro, pequenas e médias empresas de Macau a expandirem a sua rede de negócios.  Em face do florescimento do “Fundo dos Anjos” (Angel Fund), não só no Interior da China como nas novas regiões adjacentes, com possibilidade de proporcionar capitais para as Pequenas e Médias Empresas emergentes, ajudando-as a gerar e desenvolver negócios, pelo que, o IPIM diligenciou activamente no sentido de edificar uma “ponte” para que essas empresas possam encontrar com os “Anjos”.

Algumas empresas de Macau conseguiram com sucesso obter as boas graças dos “Anjos”

Através do serviço de “agência única” proporcionada pelo IPIM e do apoio do serviço de emparelhamento comercial prestado por aquele organismo, conjugado aos esforços da sua equipa de colaboradores, a empresa YGA (Macau) International Information Technology CO., LTDconseguiu, com sucesso, completar a fase de incubação e criar o seu próprio estabelecimento, sendo a primeira empresa a estabelecer-se no “Vale de Criação de Negócios para os Jovens de Macau em Hengin”. Após de ter aí constituído a empresa Bringbuys conseguiu com êxito obter a confiança do “Fundo dos Anjos”, que lhe concedeu um financiamento de cerca de trinta milhões de dólares de Hong Kong.

A acumulação de experiência dos empreendedores e a composição da equipa constituem factores cruciais para “atracção de capitais”

No entender do Director da empressa YGA (Macau) International Information Technology CO., LTD e cumulativamente  Director Executivo e CEO da Bringbuys,  Vincent Chou, falando na qualidade de pessoa com experiência em negócios, nos últimos anos, o Governo da RAEM tem impulsionando os jovens a criar os seus negócios, com vista a fomentar o desenvolvimento da diversificação económica, e aliado às vantagens que Macau oferece enquanto plataforma de serviços para a cooperação económica e comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa, bem como à sua singular e excelente posição geográfica, propícia para articular com a estratégia nacional de “Uma Faixa, Uma Rota”, surgem negócios em todos os lados, o que significa, também, que os “Anjos aparecem em todos os lados”. Pelo que, o mesmo encoraja todos os jovens a terem  um “sonho empresarial”, e que, enquanto as empresas, especialmente os jovens, estão a aguardar a chegada dos “Anjos”, devem promover o “sonho empresarial”, ao mesmo tempo que se equipam para acumular certa experiência na vida social e nos ramos de negócios que se pretende dedicar. Outrossim, devem também ter em consideração formar uma equipa que partilhe as mesmas ideias. Além disso, os empreendedores devem ter um espírito aberto, estando sempre em articulação com as tendências do desenvolvimento social e com as políticas governamentais. Nesta conformidade, poderá aproveitar de melhor forma as oportunidades surgidas e gerar um efeito multiplicador.

Fazer bom uso da “confiança” deposita pelos “Anjos”

Contudo, advertiu que, cada avo e pataca que o “Anjo” investe representa uma confiança, pelo que as empresas e os jovens que consigam as boas graças dos “Anjos” devem ter um plano em que inclua o aproveitamento adequado e respeitável daquela “confiança”.

As empresas participantes aspiram que Macau tenha também o seu “Fundo de Anjo”

Além disso, no ano passado, o IPIM começou a organizar, pela primeira vez, seminário de partilha e de promoção conjuntamente com as associações e federações comerciais, convidando os investidores, fundadores de plataformas de investimento e consultores de investimento, provenientes do Interior da China, para partilharem a sua experiência, com vista a ajudar as PME´s e os potenciais jovens empreendedores aprender a identificar investidores para os seus projectos empresariais e elaborar planos de negócio passíveis de atrair investidores. No decorrer do mesmo evento, foram também organizadas sessões de promoção e de consultadoria, com a participação de onze empresas locais, as quais tiveram oportunidades de apresentar os seus projectos e receber assessoramento individual e personalizado dos representantes da plataforma do “Fundo dos Anjos”. Uma das participantes, nomeadamente, a Vice-Reitora da Oxbridge International Education (Macau), Sra. Tammy Meng e um dos director da Central Technology, Sr. Franky Ip espera que, no futuro, sejam realizadas actividades do “Fundo dos Anjos de Macau”, com vista a atrair investidores da RAEM para apoiarem os projectos da sua própria terra. Uma outra empresa participante, o encarregado da empresa Alpha Solution Company Limited, Ming Ieong revelou que, através da referida actividade, adquiriu muitos conhecimentos sobre o desenvolvimento do comércio electrónico no Interior da China, proporcionando-lhe ideias de como melhorar os seus negócios, pelo que considera que a sua participação fora proveitosa.

O IPIM continua a expandir os seus serviços às Micro, Pequenas e Médias Empresas

No futuro, o IPIM continuará empenhado em prestar o melhor serviço às micro, pequenas e médias empresas de Macau. Além do serviço de consultadoria destinado às empresas, irá também recolher os novos modelos de negócio das empresas locais e dos países e regiões vizinhas, com vista a organizar periodicamente diversos tipos de workshops e cursos de formação, visando elevar o raciocínio empresarial e a competitividade das empresas, em prol da diversificação do tecido económico de Macau.

001 (Click to open)

Vincent Chou considera que a acumulação da experiência dos empreendedores e a composição da respectiva equipa são factores cruciais para atrair os “Anjos”

002 (Click to open)

O IPIM organizou no ano passado actividades para proporcionar  às empresas de Macau oportunidades para encontrar com os “Anjos”